Assuntos de Goiás TV

segunda-feira, 22 de julho de 2013

El Negro é preso na Espanha após ser extraditado pelo Brasil via @Reinaldo_Cruz #QuestãoBrasil

El Negro estava no Brasil, onde foi preso
"El Negro", de 44 anos e que figurava na lista dos 15 criminosos mais procurados pela justiça espanhola, foi localizado em fevereiro de 2009 em uma prisão de São Paulo com uma identidade falsa e onde estava detido há nove meses.

Segundo fontes jurídicas, o criminoso foi extraditado à Espanha e hoje aconteceu uma audiência judicial, em que lhe comunicaram as acusações e que permanecerá na prisão à espera de julgamento.

Ruiz Santamaría foi detido em 1999 na Espanha por agentes que o interceptaram com uma carga de 11 toneladas de droga, mas em dezembro de 2001, dias antes de seu julgamento, obteve a liberdade pagando uma fiança por motivos de saúde e fugiu.

Santamaría era um dos 38 acusados na "operação Temple" e a Promotoria Antidrogas espanhola pediu para ele 60 anos de prisão e uma multa de 414 milhões de euros ao considerá-lo o responsável na Espanha de uma organização de narcotraficantes colombianos dedicada ao transporte de grandes quantidades de cocaína para distribuição na Europa.

Após fugir da Espanha, o acusado esteve internado no Centro de Detenção Penitenciária de Pinheiros (São Paulo) desde o dia 2 de maio de 2008, quando foi preso por tráfico de drogas e apresentou uma identidade com o nome de Manoel Oliveira Ortiz, natural do estado de Minas Gerais.

Sua verdadeira identidade foi descoberta após a investigação das atividades ilegais de uma empresa que estava no nome de Manoel Oliveira Ortiz.
Leia mais: Traficante é preso na Espanha após extradição do Brasil - EXAME.com

Seguidores